BNDES lança financiamento coletivo para o Patrimônio Cultural

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) lançou uma iniciativa para captação de recursos inédita no Brasil, que promete estimular projetos por meio do financiamento coletivo.


A ferramenta, nomeada Matchfunding BNDES + Patrimônio Cultural, será anunciada no próximo dia 26 de março, em evento no Rio de Janeiro (RJ). A grande inovação da nova modalidade de crowdfunding é que o programa incentiva a colaboração coletiva, triplicando os recursos arrecadados. Assim, para cada R$ 1 obtido, o BNDES disponibilizará outros R$ 2. Ou seja, se o projeto arrecadar R$ 50 mil em doações, o BNDES disponibiliza outros R$ 100 mil e, no fim, a ação arrecada R$ 150 mil. Se a campanha bater a meta dentro do prazo estabelecido, o projeto então é viabilizado e cada um dos colaboradores recebe recompensas e, com isso, todos ganham.


Pelo edital colaborativo, entre 02 de abril e 15 de agosto, poderão se inscrever projetos de R$ 30 mil a R$ 300 mil, que, então, passarão por curadorias realizadas por especialistas de crowdfunding e de Patrimônio Cultural.


Ao todo, serão selecionados até 40 propostas por ano, colocando o público como principal curador – já que é a contribuição da população que permite que as ações alcance a meta. Para o gerente do Departamento de Educação e Cultura do BNDES, Eduardo Bizzo, além do engajamento da sociedade, o Matchfunding BNDES +tem como premissa a capacitação geral da cadeia do setor de Patrimônio Cultural, proporcionando maior sustentabilidade financeira e capacitando as instituições a elaborar e submeter projetos por meio das plataformas de financiamento coletivo.


O Matchfunding BNDES + Patrimônio Cultural conta com a parceria da Benfeitoria, plataforma responsável pela capacitação e elaboração das campanhas de arrecadação online, e da SITAWI, OSCIP do setor de finanças sociais, que realizará o acompanhamento dos projetos financiados.


Mais informações: benfeitoria.com/bndesmais

99 visualizações