O Grande Sertão: Veredas no olhar de Araquém Alcântara

Por Revista Prosa Verso e Arte


Em seu livro Vederas, Araquém Alcântara seguiu os passos de João Guimarães Rosa, percorreu cenários do cerrado, entre o norte de Minas e o Sul da Bahia. Após meses de andanças encontrou e registrou paisagens e personagens que parecem ter saído das páginas de Grande Sertão: Veredas, obra máxima do autor mineiro.


Veredas. Araquém Alcântara

“Natureza da gente não cabe em nenhuma certeza.” – João Guimarães Rosa, em ‘Grande Sertão: Veredas’. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2001.



Veja mais fotos: http://twixar.me/5zr3

5 visualizações