UNESCO anuncia reggae jamaicano como Património Imaterial da Humanidade

No último dia 29/11, a música reggae jamaicana foi inscrita na lista do Património Cultural Imaterial da Humanidade por uma comissão especializada da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).


A UNESCO destacou "a contribuição" desta música para a consciência internacional "sobre questões de injustiça, resistência, amor e humanidade", de acordo com um comunicado divulgado após a reunião em Port-Louis, capital da ilha Maurícia.


O reggae "preserva toda uma série de funções sociais básicas da música - sujeita a opiniões sociais, práticas catárticas e tradições religiosas - e continua a ser um meio de expressão cultural para a população jamaicana como um todo", sublinhou.


Sem dúvidas, Bob Marley é o grande nome da música reggae. Deixou um legado que pulsa em diversas bandas e grupos que disseminam o estilo musical, mas principalmente, a mensagem de paz e amor.


Para quem é fã de Bob, o documentário ReMastered: Who shot the Sheriff? conta a história do atentado que ele sofreu e a ascensão de sua carreira como estrela do reggae.


Conheça os seis elementos incluídos na lista, que tem objetivo de aumentar visibilidade e reconhecer tradições e culturas de comunidades.


20 visualizações